os 10 mandamentos

Hoje é segunda-feira, to de bom humor e resolvi mandar uma curtinha, sobre o 51º evento mais importante do ano na escolha do brasileiropocotó, as eleições pra presidente do paizéco (nossa, acordei bem mesmo).

A situação está com tudo pesquisas de intenção de votos, mas a oposição promete mudanças com o inicio da propaganda na tv.

Achei curiosa a estratégia da situação, que entre alguns cuidados, está preocupada em manter o seu candidato protegido dele mesmo. Olha a ironia, os políticos fazem mal até mesmo aos próprios interesses.

É um circo não acham? Eu tenho a opinião. Os candidatos, sobre tudo os escolhidos no povo, são peões, peças de um jogo. São escolhidos por serem carismáticos e por sua servidão. Os administradores da máquina do estado são outros, que ficam escondidos, atrás da fachada criada pela imagem do candidato.

Gosto de reforçar idéias, os candidatos se protegem deles mesmos. Quem nos protegerá dos candidatos?

Update: The Son of Man, não concordo com o Magritte.

Technorati Tags:

Anúncios
Publicado em brasil, política
14 comentários em “os 10 mandamentos
  1. Luciane disse:

    Oi, Júnior! Näo chama o Brasil de paizeco, por favor. O Brasil é maior que essa corja de políticos. “Ademas” concordo com o teu penúltimo parágrafo. Acho que é assim que funciona o cenário políticos em todos os países. Abraço.

  2. Silvia disse:

    fiquei curiosa sobre a ilustração…. acho que já vi em algum lugar antes…

  3. Maitê disse:

    Pois é, Júnior. Nessa lenga lenga política, quem perde é a gente, que tem que pegar e aturar a criminalidade. Enquanto eles trocam ofensas, o cidadão está rendido por PCC’S, etc…

    Abs

  4. Junior li uma entrevista nas páginas amarelas da VEJA, de uma socióloga, acho, que faz referência a escolha do rival do lula. Como se ele tivesse sido escolhido, de propósito, para perder. Não sei se é verdade, se tem fundo de verdade. Acho possível. Tenho nojo, viu? Mas cada país tem o governo que merece, né?
    Liliane de Paula

  5. Bruna disse:

    Oi Junior!

    A situação é curiosa mesmo. Eu também acho que aquilo lá é tudo circo, com a única diferença: os palhaços somos nós! risos… Não sei, sinceramente, onde vamos parar…

    Respondendo seu comentário: Sim, toda relação tem seus interesses… mas existem interesses e interesses, né? hehehe

    Beijos.

  6. Vi vc na festa de aniversário do Tricotnando.Assino embaixo do seu texto.Para mim o Lula é laranja.

  7. Claudio disse:

    Concordo contigo. Com ênfase….

    abs

  8. Dono do Bar disse:

    Esse problema não é característica só do nosso Brazil, grande e amado país. A raça dos maus políticos se alastra por terra e mar. Dizem que o povo tem o governante que merece, mas cá entre nós, acho que merecíamos coisa melhor.

    Gostei muito do teu blog, amigo.

    Um abração.
    DB.

  9. Douglas disse:

    Talvez a mentira nos protega dos candidatos, é fácil: Mentimos para nós mesmos que acreditamos no que eles falam, assim criamos uma espécie de “coberta mentirosa (credoo…), entende?

    Abração e ótima semana!!!

  10. Flavia Sereia disse:

    Realmente as pessoas descobrem tarde de mais que na verdade votaram num bode expiatorio, apenas num chamariz, pq quem vai mandar mesmo não é ele.

    bjs

  11. bruna santos disse:

    Com sorte, o Chapolin Colorado…já que o Superman morreu. Ah, mas ele retornou, né?! Estamos salvos, então! \o/

  12. Charimann disse:

    É cara… o circo ta armado mais uma vez, daqui a pouco começam as propagandas eleitorais pra gente ver a atração mais convincente (se é que tem alguma). Enfim, voltei ontem de São Paulo, hoje, vou colocando minha vida na normalidade e rotina novamente. Sem querer ser chato, mas já sendo, é impressão minha ou, tu tirou o link pro meu blog lá em baixo? :B

    Abraço

  13. Wilson Doll disse:

    circo, circo, circo… e adivinha quem são os palhaços?

  14. […] A pessoa aqui pensa assim. O Bush pode falar merda, mas ninguém pode ouvir; como aconteceu. O Cara de Tonto é representante de um país. Ele deve ser um exemplo de cidadão para o seu povo; e para o mundo, ser a imagem do cidadão do seu país, já que foi escolhido por eles para comandá-los e representa-los. Se bem que na prática, ele também não manda patauína, assim como o barba aqui no paizéco. E em se falando, não acho o brasil maior que a corja de políticos como disse uma leitora, a corja de políticos é o reflexo do povo, que colocou eles lá através do voto. […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: