apertem os cintos…

Pronto pessoal, estou bem humorado novamente (brincadeira, tô não). O sol brilha, a temperatura sobe, já não preciso mais do casaco. Estou até pensando em fazer gelatina hoje à tarde, daquelas com creme de leite e frutas, um doce gelado pra comemorar o calorzinho gostoso.

Como eu não ando muito bom pra papo, tava vendo os noticiários que falam sobre o caos nos aeroportos e me lembrei que há alguns dias, quando o jornalista americano Joe Sharkey, que estava no Legacy publicou as suas impressões sobre o ocorrido, aproveitou pra descer a Frigideirada no controle de trafego aéreo brasileiro. Nossa, foi uma comoção nacional na blogosfera, mais uma vez eu presenciei ao nacionalismo boboca aflorando nos corações e mentes dos incautos. Aliás, pra quem não gosta do véio Bush, mas gosta do lulalelé, dêem uma olhada nisso.

Onde já se viu um americano bobão falar mal das coisinhas do brasileiropocotó?

Desceram Frigideirada também nos pilotos americanos, alguns signatários até fizeram comparações como “Imaginem se fossem pilotos brasileiros derrubando um avião cheio de americanos?” e outras bobagens do gênero. Aí eu pergunto, isso é culpa da imprensa, que publica informações pela metade, descontextualizadas e prefere ficar publicando boatos à esperar por boletins oficiais, ávidos por rating da internet, ou isso é culpa do leitor internauta que é pouco analítico, ou ávido por rating na internet?

Bom, quem está atendo aos noticiários sabe que está acontecendo uma operação padrão dos controladores de vôo brazucas, que resolveram trabalhar dentro do que manda as normas internacionais de segurança.

O que aconteceu quando eles resolveram trabalhar “no limite” das normas de segurança? O caos.

Entenda-se no limite entre outras coisas o seguinte, as normas internacionais de segurança dizem que cada controlador deve estar responsável em no máximo 14 aeronaves simultaneamente, e isso só em situações de extrema exceção. Acontece que os nossos controladores trabalham muito além disso quase o tempo todo e agora resolveram manter-se dentro do limite. Vejam só, o que no mundo é exceção aqui é regra.

Outro dia divulgaram que operadores de trafego aéreo do MT não precisam falar inglês. Como assim? Como assim?

Cara, pra você trabalhar em qualquer carguinho de pica-pau, as empresas te pedem inglês, preciso continuar o raciocínio? Só pra constar para aqueles que me acham muito crítico, o brasileiropocotó não consegue emprego porque não sabe falar nem o português direito. Aí vem o relatório da Unesco e diz que o nosso ensino básico está empacado lá em 2003, apesar do presidente eleito dizer que fez muito pela educação. Fez sim, fez o Prouni, afinal, criança não vota (vamos ver no tão almejado segundo mandato).

Mas voltando, os nacionalistas anti-americanos de plantão devem estar comemorando, dizendo coisas do tipo “É isso mesmo, porque nos temos que falar a língua dos americanos vilões dominadores de países submundistas? Eu tenho orgulho da minha língua portuguesa, Yeah!!”

Por isso o meu bom humor, porque eu ri muito quando pensei em tudo isso. Meu, o brasileiropocotó não sabe nem falar o português direito, quase 100% inventa conjugação verbal que não existe. Além do sagrado eu tu ele nós vós eles, inventavam a conjugação mim, fica tão lindo falar quinem índio, é tão brasileirístico pocotozense: “Meu blog é pra mim falar o que eu quiser cara pálida. Hau!” Faz me rir. É a involução lingüística, vamos todos involuir (economicamente estamos num bom caminho pra isso).

Não quero tirar méritos de quem fala errado, conheço muita gente que fala errado e dá show de competência na sua área. Mas é bacana se nós conseguirmos ser seletivos ao seguir exemplos, a competência pode ser um exemplo bom a se seguir, falar errado, nem tanto.

Podem dizer que existem problemas de comunicação por conta da língua no trafego aéreo do mundo todo. Eu digo que o nosso problema com a língua pode ter ajudado a causar, senão ter sido o grande responsável, pela morte da nossa gente aqui na nossa terra. Eu mesmo acho que seria mais feliz se conseguisse manter a minha língua grande dentro da boca.

Eu comecei falando de uma coisa e mudei para outra, mas ta valendo.

Eu já voei pra caramba, voava semanalmente para o brasil inteiro e quem voa com freqüência sabe a muito tempo que o jornalista americano tem razão. Semana passada a imprensa divulgou que o radar sul, de Curitiba saiu do ar e que vários vôos atrasaram, mas eles não divulgaram que a 3 semanas atrás, o mesmo radar sul saiu do ar e foram feitos vários vôos as cegas nessa região, inclusive o que levou a Criadora de Presentes pra casa.

Tá comprovado, nós não sabemos falar a nossa língua e o nosso controle de tráfego aéreo é uma porcaria mesmo, só que ninguém pode falar nada, pros blogueiros não ficarem bravos, Bléeh!

Hoje pro almoço eu fiz penne com brócolis alla quattro formaggio, com molho bem suave pra poder exagerar (mais) no parmezano ralado no prato. Estava uma delícia.

01/11: A imprensa está esfregando na cara do governo um relatório do ministério da defesa, vejam só a coincidência, de 2003, onde este alertava o governo para os riscos à segurança dos vôos que os cortes dos investimentos no controle de trafego aéreo traria aos passageiros. O site contas abertas fala mais a respeito, não percam.

No brasil inteiro temos o mesmo trafego aéreo do aeroporto de atlanta lá no temível eua. Lá, um aeroporto só dá conta do trafego aéreo do brasil inteiro e com muito mais segurança. Não é pra babar no ovo do gringo, mas é pra assumir sim os nossos problemas.

O presidente lulalelé erra ao afirmar que nesses 4 anos, deixou o brasil preparado para crescer. Onde está a infra-estrutura para o crescimento?

02/11: Não pensem que eu me divirdo em ser portador das más notícias, só quero deixar isso registrado aqui para consultas posteriores.

03/11: Se o fhc não fez, já era. Talvez nem fosse necessário fazer alguma coisa na época dele. O que eu sei é o governo lulalelé foi avisado dos problemas em 2003. A formação de um controlador leva de 10 meses a 2 anos, então ele e o governo tiveram o tempo necessário.

Os controladores civis ganham R$1.600 e os militares ganham R$2.000 (inferior ao que ganha um tirador de cópia xerox na Câmara dos Deputados). Vamos fazer contas simples, se o governo resolvesse conceder um puta bom aumento de R$5 mil aos 2.683 controladores custaria R$175 milhões por ano. Mas neste ano o governo vai gastar R$100 bilhões com o funcionalismo público e antes das eleições concedeu um aumento a algumas categorias que somou R$5 bilhões. Não faltou grana.

Outra continha só pra comparar, se o salário mínimo R$350 fosse de R$249,25, já sobraria os R$175 milhões do aumento dos controladores. Não faltou grana.

Entendem porque, nesse caso, eu não desco a Frigideirada no fhc?

07/11: Mas já que gostam de comparar lulalelé com fhc, vejam que os números da execução orçamentária mostram que o governo lulalelé está investindo no programa cerca de 25% a menos que a média da gestão fhc. Tá?

23/11: O operador que monitoraca o Legacy era bem ruinzinho.

29/11: Apareceu (como assim?) outro relatório da aeronautica alertando o governo para o caos aéreo por flata de controladores.

02/12: Os controladores de trens ganham melhor e trabalham em melhores que os controladores de tráfego aéreo.

07/12: Depois de mais um colapso, o nosso Ministro da Defesa Valdir Pires, se defendeu dizendo que não sabia de nada, esse cara nunca sabe de nada, está sempre surpreso com o que acontece no seu ministério, é arcaico, inapto, confuso, hostil e algumas outras coisas impublicáveis. Não entendo como o lulalelé ainda o mantém por lá. Estamos numa fria.

12/12: Xiiii, no Paraná também.

11/04/07: Só para constar, os aviões somem do radar.

Anúncios
Publicado em brasil
41 comentários em “apertem os cintos…
  1. Tina disse:

    Junior querido:

    Você consegue: falar de gelatina, política, controle aéreo e macarrão. Você consegue. E eu adoro ler isso.

    beijos querido,

  2. Tina disse:

    Ooops! e sem mencionar (para não puxar sardinha) o meu inglês-ganha-pão… naturalmente.

    beijos de novo!

  3. Clara disse:

    Desce a lenha mesmo, que eu boto fogo! rs

    Você, como sempre, sabe a forma exata de fazer uma crítica, sem deixar o senso de humor de lado! Ri um bocado aqui na sua colocação dos pronomes “mim” e “eu”. Concordo em gênero, número e grau.

    O fato é que tudo aqui, sempre “anda no mais ou menos”, e no “vai se levando” … e deixa pra lá. Depois, que acontecem coisas como essas que aconteceram, aí precisam encontrar um “bode expiatório”, não precisam?!

    Pois bem…

    Só que eu quero um pouco da tal gelatina que você vai fazer, porque fiquei com vontade e sei que como bom moço que é, não me deixará ficar assim… portanto, eu quero, viu?! (ai que delicia, fico só imaginando o pecado da gula….hehehe)

    Quanto ao macarrão…. tudo bem… o almoço já foi mesmo!

    beijo…

  4. Carol Linden disse:

    Andei defendendo os controladores aéreos, ainda mais depois que soube que eles são mal pagos (ou pelo menos insuficientemente pagos) para um trabalho de tamanha seriedade, que pode ocasionar tantas perdas em caso de erros.
    Andei.
    Mas fiquei esgotada com os atrasados que tive em função de “operação tartaruga”. Fiquei esgotada ao esperar 1h dentro de um avião na pista porque teoricamente agora quem “controla” as decolagens é o relógio: precisa-se dar um intervalo de 10 minutos entre uma e outra. Quem disse isso foi o piloto da Varig, não me crucifiquem.

    Seu molho me lembrou um causo ocorrido no Fasano: pedi uma massa recheada de queijo de cabra, eu acho. Talvez um ravióli. E pedi queijo ralado ao garçom, que me olhou com aquela cara de “prendam a infiel!” e só conseguiu dizer que um queijo não combinava com o outro e que aquele prato não havia sido pensado para se incluir queijo ralado. Não desci do salto: “peça desculpas ao Salvatore (como se eu tivesse qualquer intimidade!), mas eu gosto de queijo”. E minha companhia emendou algo tipo sugiro que você faça o que ela quer. 😉
    Tudo pelo queijo.

    BJs!

  5. Dani F disse:

    Não sei se o povo vai jogar ovo e tomate no Dona de frigideira, mas eu me habilito á lavar a coisa depois. Acho que escrevestes a coisa mais certa..tô de saco cheio destes ufanismos baratos, pobres e decadentes. Eta povinho bunda, me irrito. São tão complacentes e fecham os olhinhos prá tudo…
    Claro que o problema do trágico ” e show” acidente aéreo da Gol teve erro humano..Desde o início aqui em casa fomos tachativos, meu marido é piloto,não comercial off course, ele desd eo começo diz que foi coisa do controle de voo..Agora os 10 pobrezinhos e estressadinhos estão afastados..hahaha
    Me poupe!
    Pobre de nós..eta país…e não precisa falar inglês..eles farão mímicas na frente do radar.hahahaha
    beijo e parabéns amei o post.
    O penne? ai ai nem vou comentar

  6. Chico disse:

    Rapaz,

    Eu pensei em falar sobre isso hoje pela manhã, mas aí encontrei os “happy halloween” entre meus e-mails e acabei mudando de assunto …

    A foto lá em cima já fala por si só.. Quem já voou muito pelo Brasil sabe da loucura que é esse espaço aéreo.. Muita gente tem se saído com essa estória de que nosso controle de tráfego é eficiente, blá blá blá…

    A verdade aos poucos está se mostrando. Os atrasos não são novidade, só se tornaram bem piores depois que 10 coitados foram afastados..

    Já que é pra elogiar a língua pátria.. Como dizia aquele mestre Jedi gringo … ” Sério país esse fosse, problema menos 10 soldados não faria”

    Daí se tira a falta de seriedade com que o governo encara nossas vidas.. Os controladores não podem nem ter dor de barriga !

    Abraço,

  7. Marcia Kawabe disse:

    Mim não entende porque vois mi cê anda tão arretado 🙂

    Agora essa de controlador não precisar falar inglês é demais da conta mesmo. Aliás, acho que qualquer funcionário que trabalhe em aeroporto deveria falar. Digo “falar” e não engambelar 🙂

  8. Claudio disse:

    Junior, tudo que você escreve é bom de se ler, mas seu penne está ficando famoso. O tal “Penne do Junior” vai entrar para os anais da CUlinária. Com trocadilho.

    abração

  9. cilene disse:

    Junior vou ter que me defender…sempre achei que muitos tinham errado na queda do aviao…nem sei portugues direito..e meu ingles dar apenas para o gasto…tenho nenhum pavor da coisa americana…acho o Bush meio pirado etc, mas esse jornalista americano queria mesmo era ficar famooso..e ficou..deve ate escrever um livro..quanto a precariedade do Brasil em todos os sentidos nao tem defensa…

  10. Beth disse:

    Sério isso do Voo da Bibi? Oh GOD! Aonde estamos morando mesmo?
    Tô ficando deprimida de ler o Frigideira. Ele me abre os olhos p/ coisas que eu simplesmente fazia questão de não “ver”.
    E que Penne é esse? Nouuuussa, tudo de bom!
    Vem p/ NE sim, aqui, tudo é mais fácil. Até o Lula ganhar!!!!!
    Um cheiro, e boa semana!

  11. Nivaldo disse:

    É engraçado o fato de que as pessoas que não sabem o idioma nativo sejam reprovadas nos testes para empregos quando a pessoa quye ocupa o cargo mais importante do país desconhece absolutamente o plural, regência verbal e concordância — pra ficar só no básico. Este é o país das contradilções.

    Quanto ao caos nos aeroportos, a medida tomada pelos controladores de vôo foi uma das mais acertadas de que se têm notícia. Só assim todo mundo fica sabendo que mais aviões não caem ou se chocam no ar, aqui no Brasil, porque pilotos e controiladores são de uma competência quase heróica.

    Um abraço

  12. Santos Passos disse:

    Pô, Junior. Esse penne devia estar bom pra c…, ou melhor, pra penne.
    Abração.

  13. Lu Brasil disse:

    Menino, obrigada por me explicar o que anda acontecendo nos aeroportos, ah eu so vejo as manchetes de capa dos portais, mas a preguiça não me deixa ir além disso (nem o Enzo, com seu discovery kids na tv), valeu!
    Quanto a mania de blogueiros de ler uma linha num blog e “ah, defenderei essa causa também ” égua , me estresso.
    Só tenho um ponto de discórdia
    “nós sabi o portugueis, nois veve falando errado porque nóis qué”

  14. Evilasio disse:

    Grande Junior,

    Tira o couro do PROUNI nao, rapaz. Uma das poucas coisas boas q esse governo fez… 😀

  15. Krika disse:

    Eu adoro vir aqui e ficar apreciando a forma como vc escreve…devidamente linkado lá no TPM…um beijão!!!

  16. Flavia Sereia disse:

    Pois é Junio, a imprensa brasileira só publica o que interessa a eles, e o brasileiro coitado acaba caindo no erro.
    Vc viu a diferença de salario que ganha um operador de vôo no Brasil e nos Estados Unidos?? pois é!!

    bjs

  17. Douglas disse:

    Você foi muito feliz ao falar sobre a imprensa burra que passa informações sem sequer serem as informações realmente verídicas….aí o brasileiro lê a merda da Revista Veja, têm aquela “opinião” formada e somos os brasileiros com razão e eles são os americanos que mataram 155 (ou 154, sei lá) pessoas.

    Faz-me rir……….

    Abraço.

  18. Junior, meu protesto. Em vez de “criadora de presentes” vc precisa dizer é “meu amor”. Concorda?
    Eu fiquei contente quando o jornalista americano disse que nosso espaço aéreo é um caos. E lá vem o brasileiropocotó defender o que. Nem sei. Quando fazíamos viagens de para Manaus, íamos com o coração na mão. Levava canivete suiço para emergências na selva(risos)
    Falar e escrever errado, é um terror para mim. Os pacientes sempre respondem que “seio” qdo pergunto se sabe ler. Sempre ensino para essas antas que seio é peitooooooo.
    Liliane de Paula

  19. Luma disse:

    O Jornalista americano, estava no lugar certo na hora certa.
    Ele tirou o sistema de comentários do seu blogue, porque brasileiros estavam indo lá, agredi-lo verbalmente.
    Não tenho muito acrescentar ao seu texto, porque foi perfeito! Quanto à sua culinária, eu tiraria os quatro queijos e deixaria somente o parmesão. Acrescentaria alho, muito alho! Afinal, ontem foi dia das bruxas.
    Ontem também não conseguia entrar aqui. A página dava como inexistente!
    Beijus

  20. raquel disse:

    eu já trabalhei com aviação e volta e meia faço cursos nessa área… gosto muito eheheheh maaaaaaaaas não vou entrar em detalhes porque muita coisa é confidencial HAHAHAHA brincadeira!

    uma vez vi quatro aeronaves no pátio do galeão aguardando liberação da torre pra decolar… como sabemos, uma foi atrás da outra, sabe, que nem táxi… estão brincando com a aviação civil brasileira! paga-se pouco, sobrecarrega-se os gatos pingados que lá estão e nisso a gente paga o pato, mofando dentro da aeronave ou no saguão do aeroporto! e só não acontece coisa pior porque lá em cima, tempos os melhores pilotos do mundo!

    a anac vai abrir um concurso pra contratar inclusive controladores de tráfego, função que era desempenhada em massa pelos militares (muitos inclusive foram chamados da reserva pra dar um gás nesse caos), vamos ver se dá vazão! enquanto isso, tome chá de cadeira!

    ps: eu ADORO massa mas tô dando um tempo por causa dos triglicerídios… frescura, né? beijoca.

  21. DO disse:

    Anos atrás conheci um supervisor de trafego de Congonhas. Não conseguimos ter sossego enquanto jantavamos pois o celular dele não parava de tocar.
    Claro que o papo só podia ser este: o perigoso tráfego aéreo nacional.
    As barbaridades que ele me contou desencorajariam qualquer pessoa lúcida a voar.

    Abração,JUNIOR!!

  22. Diana disse:

    Bom dia…..
    Aaai…..nunca voei na vida….
    Agora que nunca maissss messsmo….
    Vou ali cortar os pulsos….já volto…
    Rsss…
    Bjs…

  23. Carla disse:

    Tudo o que você escreve, leio com os olhos e o coração. Mas, cá entre nós, que penne é esse?? Isso é muita tortura, ainda mais vendo por foto. E o que é que eu faço com a boca cheia d’água? Bjus.

  24. Matilda disse:

    Linda a foto do penne com brócolis alla quattro formaggio, jeito de gostoso, de delícia mesmo.
    E estava com saudades de vim aqui, apreciar o jeito-frigideira de escrever, que resulta numa delícia de ler e de concordar também.
    Beijos, :).

  25. Parece que desta vez vou concordar com você! 🙂 Brincadeira, não vou não.

    Sobre o uso da lingua inglesa concordo com tudo o que você disse, mas sobre a declaração “operadores não precisam saber inglês” eu fico um pouco desconfiado. Você deu atenção demais a resposta, mas esquece da pergunta. Nesta euforia sensacionalista da imprensa o caras devem ter ouvido as perguntas mais absurdas e uma hora pode ter dito uma bobagem ou respondeu em teor de ironia, não sei. Mas desconfio da citação. Também li isso na época.

    Sobre os investimentos, também concordo que o Brasil não está nem um pouco preparado para crescer como afirma o Lula. Mas também, e isso você não menciona, nunca esteve durante os anos FHC, apesar de ele insistir na afirmação de que “modernizou” o Brasil.

    Investimentos em infra-estrutura, de qualquer tipo, possuem um hiato entre o investimento propriamente dito e os resultados que poderão alcançar. Se o relatório é de 2003, significa que os investimentos deveriam ter sido feitos entre 2000 e 2002. O Principe dos Sociólogos estava ocupado vendendo o país.

  26. Não concordei em tudo, mas nunca esivemos tão próximos! 🙂

  27. Pedro disse:

    Um dia vou fazer pós graduação em ranzinsisse, pra ver se consigo ser ranzinza como vc diz que é (embora eu não concorde), e fazer os leitores rirem assim como eu ri.
    Sem contar q a salda q vc faz nos seus textos, mesclando assuntos distintos é sempre muito bem temperada.

    Abraço

  28. Valérie disse:

    Toda vez que se fala em Controladores de Vôo, lembro de um filme do John Candy. Ele era um controlador de vôo no limite do stress vendo mosca na tela como aeronaves…srs

    Rir para não chorar. Fico imaginando o nível de stress destes operadores aqui no Brasil. Eu não aguentaria.

    Beijocas

  29. Flávio disse:

    Júnior, realmente por aí. Eu sempre ouvi dizer que avião era o transporte mais seguro do mundo: mas, agora, com esse caos… confesso que até assusta.

  30. Chris disse:

    Vixe! Isso porque diz estar de bom humor???? heheheheh… brincadeira!

    Eu gosto do seu ponto de vista crítico e extremamente realista. Acho ótima sua abordagem sobre vários temas ao mesmo tempo, mas adoraria ver um texto com mais “açúcar” heheheheeh
    brincadeira de novo!

    Espero que seu finde seja mais que lindo!!! (isso não é brincadeira hehe)

    Inté moço! (não é como índio, mas é caipira…rsrs)

  31. Clara disse:

    Update de comentário: (rs)… Boa noite!!!

  32. Coeli disse:

    Meu ponto de vista sobre tudo? Brasileiro é bicho nojento!

  33. Norma Sueli disse:

    O presidente da Infraero disse, que não houve falha na comunicação por conta de interpretações da língua inglesa, que os procedimentos são padronizados e o diálogo não era complexo! Rsrsr! Só rindo mesmo!
    Então para comemorar seu bom humor me lembrei desta piadinha, qdo li o post,e fui buscar no meu arquivo de e-mails é velha, mas vale a pena relembrar,:
    Vôo Cego
    No aeroporto o pessoal estava na sala de espera, aguardando a chamada para embarcar no vôo. Nisso aparece o co-piloto, todo uniformizado, de óculos escuro e de bengala branca tateando pelo caminho. A atendente da companhia o encaminha até o avião e assim que volta explica que apesar dele ser cego é o melhor co-piloto da companhia.
    Alguns minutos depois chega outro funcionário também uniformizado, de óculos escuro, de bengala branca e amparado por duas aeromoças. A atendente mais uma vez informa que apesar dele ser cego é o melhor piloto da empresa e tanto ele como o co-piloto fazem a melhor dupla da companhia.
    Todos os passageiros embarcam no avião preocupado com os pilotos. O Comandante avisa que o avião vai levantar vôo e começa a correr pela pista,cada vez com mais velocidade. Todos os passageiros se olham, suando, com muito medo da situação. O avião vai aumentando a velocidade e nada de
    levantar vôo. A pista está quase acabando e nada do avião sair
    do chão. Todos começam a ficar cada vez mais preocupados. O avião correndo e a pista acabando. O desespero toma conta de todo mundo. Começa uma gritaria histérica no avião. Nesse exato momento o avião decola, ganhando o céu e subindo suavemente. Ufa..
    O piloto vira para o co-piloto e diz aliviado:
    – Se algum dia o pessoal não gritar nós estamos perdidos..

    Beijos… e que o bom humor permaneça..

  34. Roby disse:

    Juninho..cada vez que precisamos fazer vôos ficamos em polvorosa…
    Especialmente vôos interestaduais…estas empresas brasileiras estão um caos verdadeiro.

    Abraço amigo, bom feriadão procê.

  35. aninha-pontes disse:

    Vc não entendeu bem, a estrutura para o crescimento, ele está acabando de fazer, no seu patrimônio.
    Afinal depois de oito anos, sair assim, com uma mão na frente outra atrás, ia ser demais né?
    Vc está certo, temos que ficar quietinhos mesmo, somos apenas “parcialmente” capazes, como o termo usado em direito para identificar pessoas doentes, menores, etc…
    Quanto ao Penne, está tentador. Vc gosta de cozinhar?
    Um beijo e bom feriado

  36. André disse:

    O governo não vai decolar pois também está vivendo esse caos na infra-estrutura como bem você expôs… enfim, os problemas emergenciais são colocados de lado até que a bomba estoure…ou o avião caia…

  37. Silvia disse:

    Junior, gosto de suas opiniões corajosas. Só tenho uma coisa pra comentar: ainda bem que cheguei da terra do tio sam na sexta à noite… sei que é uma postura individualista, mas fazer o quê?? espero que alguém resolva logo a situação dos aeroportos…

  38. Tem razão.Além, de sermos péssimos em escolha , herdados dos avós que , em vez de ir para os States vieram para o Brasil.Agora falamos um código secreto e não dá mais para voltar atrás. Podíamos fazer um abaixo assinado para a Coréia fazer seus testes com a bomba atômica aqui.O que vc acha?

  39. E apesar dos pesares avião é o meio de transporte mais seguro. Que os anjinhos da guarda não leiam teu post….afffe!!

  40. seu blog é igual a Olhe?

    Numa rápidinha de sexta-feira, vamos falar do que pra mim, é mais uma da série ideologias brasileirísticas pocotozenses incautas.
    Há alguns dias a revista Olhe (vocês sabem de qual revista estou falando) que é, na visão de muitos, o cão em f…

  41. Lula disse:

    (Minha opinião política ja foi dada no post anterior).

    Agora, esse ‘penne com brócolis alla quattro formaggio’ que vc mostra aí derruba qualquer opinião contrária.

    Corruptor!!

    Vc expõe sua opinião e depois fecha com um bolo ou prato feito à ‘lá JUNIORE’ e acha que ta resolvido, né? hehehe.

    Acho q vou substituir a cerveja por um café-com-leite, acompanha bem o bolo e vc não faz a minha cabeça, qdo eu estiver bêbado.

    P.S.: Só acho q o prato ta meio vazio. Dá pra dobrar a quantidade de penne pra mim?

    Abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: