Castrem as Pessoas, não os cães


o Zimba e a minha irmã (o cão é o Zimba)

O estado de Santa Catarina proibiu a criação de cães da raça pitbulls, lamentável. Pelo que pude perceber até agora, o formulador da tal lei, o deputado Marcos Vieira do pmdb, assim como um monte de gente que fala sobre o que não entende, sequer sabe que pitbull não é raça e sim tipo de cão. Fila-brasileiro, American Mastiffs, American Staffordshire Terrier, entre outros, são raças do tipo pitbull. A lei determina a esterilização de cães que, em médio prazo seriam extintos. Quanta imbecilidade.

Não preciso dizer que o comportamento dos cães com relação aos humanos depende muito mais da maneira como são tratados pelos seus donos ou responsáveis do que da sua raça ou índole. Já o contrário não é verdadeiro, o comportamento do humano em relação aos cães sempre depende de quanto o humano é imbecil.



Zimba e o meu amigo Deputado (o cão é o Zimba)


Zimba e o meu cunhado Pingüim (o cão é o Zimba)

Nós temos um cão da raça American Staffordshire Terrier, é o Zimba Lala-wewa. Ele é enorme, porém o mais cagão que eu já conheci. A Isabela, filha da Daniela, cresce montando cavalo, torcendo as orelhas, e dando marteladas nas bolas do pobre, mas ele continua com aquela cara de cagão. Ele também se borrava de medo do Fit, o gatinho, agora ele ta mais acostumado com o Fit detonando ele. Cães dessas raças, entre outras raças “assustadoras”, são muito mais fortes que um poodle, muito mais amáveis, fiéis e confiáveis também.

Se a minha irmã morasse em Santa Cataria, ela iria a um juiz, mostraria o pedigree do Zimba provando que ele não é da “raça” pitbull (raça essa que nem existe) e o deputado Marcos Vieira do pmdb, junto com o governador, que fossem à merda, que fossem castrados com uma facona enferrujadona.

Isso me deu uma idéia, de que comecemos a castrar pessoas. Cometeu algum crime? Castra o sujeito. Matou? Castra. Roubou? Castra. Colarinho branco? Castra. Ia ter muito mais gente castrada do que cão.

Aprovou leis imbecis como esta de Santa Catarina? Castra o governador também, porque gente assim precisa parar de procriar, já que eu sou capaz de apostar 10 por 1 que políticos podem gerar filhos tão desprezíveis quanto essa lei aí. O lula não dá mais, porque ele já tem a sua prole (rapaz, e que prole esperta), mas podemos mandar castrar a prole toda dele, o que acham?

Sabe quando os autores do Freakonomics sugeriram que a legalização do aborto diminui a violência? Então, concordo com eles e vou além, a castração dos políticos podem fazer uma nação melhor (se você não leu o livro ou não sabe do que se trata, não seja burro a ponto de me contestar sobre o lance do aborto, sob pena de eu achar que você também deva ser castrado).

E o pequeno cachorro cão Ozzy? Vai bem (preocupaaado), ele também achou essa lei um horror.

Anúncios
Marcado com: ,
Publicado em cultura
22 comentários em “Castrem as Pessoas, não os cães
  1. […] Castrem os deputados, diz o Junior. E o cara tá certo. […]

  2. Silvia disse:

    Oi, Junior, é uma lei polêmica, mas eu tenho medo de alguns cachorros que vejo pela rua, sim. Essa raça (ainda que não seja uma raça, é uma variação genética, sei lá…) não foi criada “artificialmente”?? claro que há casos e casos, donos e donos de cachorro… mas tem tantos casos de ataques desse tipo de cachorro, não sei não… porém, confesso que conheço pouco o assunto.
    Silvia, algumas raças atuais, a grande maioria delas na verdade, são resultados de cruzamentos entre outras raças. Veja que o meu pequeno cachorro cão Ozzy é um Dachshund (não é Basset), que foi desenvolvido (artificialmente?? não sei, senão nós seriamos artificiais também, já que somos uma mistura) a partir de cruzamentos de outras raças, entre elas do Beagle e Basset Hound. Eu ainda tava lendo nos jornais que existem mais ataques que poodles do que de cães do tipo pitbull, é só perguntar num pronto-socorro qualquer pra constatar, acontece que apesar do poodle atacar ou morder mais, é mais facilmente subjugado por qualquer pontapé bem dado no sentido horizontal ao da sua cabeça. rss

  3. Johnny C disse:

    Cara… ridículo isso. E concordo plenamente, em gênero, número e grau com a idéia de castrar meliantes em geral – especialmente políticos corruptos (pleonasmo?).

    abraços!

  4. Olá Junior,

    Você tem toda razão. Pior que a raça humana se sobrepõe à canina, né? já viu … os pobres cães não tem voz, oops, latido ativo e com a midia a favor, não duvido que essa lei passe. Um absurdo.

    Beijo grande

  5. j.noronha disse:

    Só posso acrescentar que a castração dos políticos deve ser feita a martelo 😀 .

  6. Tina disse:

    Oi Junior!

    Onde é que eu assino? Certíssimo.

    beijos querido e bom fim de semana,

    PS:Faz tempo que você não fala do cão Ozzy…

  7. Cejunior disse:

    A idéia de castrar esse bando de celerados de Brasília e afins é muito boa! E vamos começar com o governador de SC mesmo, para dar o exemplo!!!
    Um abração e bom fim de semana.

  8. Magui disse:

    Tem razão.Só não mandam castrar o pincher porque sua mordida não arranca pedaço embora , dentro da sua tese, seja um pitbull.

  9. cilene disse:

    Nao sei o que dizer sobre esse assuntos. Mas tudo depende mesmo da criacao.

  10. Flavia Sereia disse:

    Também concordo com a castração de algumas pessoas hehehe

    O que eu acho que causa problemas com os cães pitbul é que as pessoas acabam misturando os bichos, e com isso pode sim nascer um cachorro temperamental, quando vc compra um pitbul de um canil, vc tem a certeza que esta levando um cão equilibrado, mesmo pq um criador jamais iria vender um cão que ele percebe ser temperamental, isso tb é dificil acontecer pq são filhotes de animais seguros, então quem tem um animal assim, pode afirmar de pes juntos que seu cão não faz mal nem para uma mosca. O problema é aqueles cães misturados, aqui tem muito, mesmo pq não acho que o pessoal daqui tem condições de comprar um pitbul certificado por um canil, ai vai misturando os animais e o resultado ninguém pode prever. Esses são os cães perigosos, aquele cruzamento genético que vc não sabe no que vai dar.
    Por isso que aqui quando eu vejo um fico bem longe, não sei da indole nem do dono e nem do cão rsss
    Se vc vai comprar um cão para te fazer companhia, pq tem que ser um animal fertil? NO caso dessas raças mais temperamentais, caso se misture com outras, o ideal é ser procriado somente por criadores credenciados, e para evitar o cruzamento indiscriminado, tem que já vender os filhotes castrados e esterilizados.
    Sei que muita gente torce o nariz para isso, mas também é um ato de amor, quantos caes desenvolvem cancer na vida adulta, coisa que podia ser evitado se fosse castrado ou esterelizado.
    Não tenho nada contra os pitbul legimos, mas morre de medo dos cruzamentos desemfreados.

    bjs

  11. DO disse:

    Adorei a idéia de castrar os deputados corruptos,JUNIOR,hehehe
    Bom,quero te agradecer e avisar que vc é o PAPIRO AMIGO de hj por lá.
    Otimo domingo!

    Abração!

  12. Luma disse:

    Ah, garoto! Começo bem os cachorros! 🙂
    Pit bull não é uma raça reconhecida pela FCI (Federação Cinológica Internacional). Não existem “raças perigosas” mas cães “potencialmente perigosos” daí sim a castração do animal e concordando com você; do dono. Existe uma certa confusão, essa proibição é para fazer o dono pensar na sua situação de ser considerado inteiramente responsável pelos seus cães. Falta também no país clubes de cinofilia que ofereçam instruções e treinamentos para a socialização dos animais. A lei de maneira geral classifica as raças “potencialmente perigosas” e obriga o uso de focinheiras. Seria interessante a identificação do cachorro com microchips, mas isso é coisa de primeiro mundo.
    Álias, muitas pessoas poderiam usar microchips.

    Jr. você emagreceu ou foi impressão minha?
    Bom Domingo! Beijus

  13. Jôka P. disse:

    Tenho medo de pittbulls. São sempre els que arrebentam a cara de crianças. Se é culpa dos donos, não sei, mas são perigosos, ferozes e traiçoeiros.
    Passo do outro lado da rua, quando vejo um, e olha que adoro cachorros.
    Abç!

  14. Lara disse:

    Tem que castrar os inbecis que maltratam os animais para deixá-los violentos…isso sim!
    boa semana moço!
    Bjus

  15. Yvonne disse:

    Tá ouvindo aí as palmas que bati aqui?? Nada a acrescentar ou a criticar. Beijocas castradoras de homens

  16. Douglas disse:

    Muito moderna essa sua idéia, meu caro. Eu sou das antigas. Bomba atômica seria mais eficiente. Já dizia minha avó…o mal se corta pela raíz.

  17. Norma Sueli disse:

    Oi mano JR
    Como sabe estou viajando e só hj estou lendo com calma seu post, e te agradecendo pela linda homenagem que vc fez ao nosso American Staffordshire Terrier: ZIMBÁ!

    Acho realmente que têm muita gente metida no terninho. “Deputados” não sei de quê, que inventam estas idiotices, simplesmente para ter pauta, e não ficarem como umas ostras sentadas na Câmara…porque do assunto , entendem menos que a Isabela, que fica sentadinha na cabeça do Zimbá, ou dormindo no seu cangote! Garanto que ela entende mais que eles.. Rsrs..
    E têm mais .. estou com você, temos que começar a castrar as pessoas, já pensou?? Não sobraria muita coisa…
    E também apoio o cão Ozzi que achou a lei um horror.. aliás, põe horror nisto!!
    O ZIMBÁ, ficou com aquele olhar de “Ai minhas bolas!!”, quando contei pra ele sobre esta idiotice de lei, caiu até uma lagriminha, rsrsr.. e saiu latindo o que traduzo como:
    Que horror.. Que horror.. Que horror.. no lugar de Au.. Au.. Au.!! RSRS..

    Beijoka.. da maninha…

  18. Silvia disse:

    Eu li uma reportagem muito boa do Dagomi Marquezi http://dagomir.blogspot.com/ na revista Galileu e tem uma explicação sobre a “violência” do Pit Bull. Eis parte dela:
    “Cães de briga são “treinados” ainda fetos. Criadores infernizam a vida das mães para que os filhotes nasçam neuróticos. Em seguida, escolhem os mais ferozes, que cruzam com as fêmeas mais agressivas…”
    Tem uma parágrafo ótimo que explica muito bem: ” Os cães se acostumaram a confiar nos humanos. Alguns pagaram caro por isso.”
    Bom ano novo para você e todos aqueles que lhe são caros!

  19. francisco jose disse:

    Eu particularmente acho uma babaquisse a proibição da raça,eu tenho uma fêmea,ela é um animal muito dócil,nunca atacou niguem tem hora que eu acho até que ela veio com alma de podle,kkkkkk.Essa história que pitbul é agressívo é mentira,eu acho que depende muito da criação que os donos lhe dão,como qualquer outra raça,minha avó tem uma vira-lata que garanto,é pior que muitos cães de raça.Acho que realmente quem tem que ser castrado é quem quer castrar.RSRSRSRSRSRSRS.

  20. Ribamar disse:

    Tenho duas cachorras; uma pastora alemã e outra vira latas. Nunca me incomodei com as mesmas; pois minha propriedade além de ser toda cercada, e o terreno grande, tem também um canil seguro. Quando (raramente) passeio com a pastora; sempre coloco na mesma, a focinheira para evitar possíveis problemas. O pitbull, é sim; a meu ver perigoso tanto quanto outras raças. Se não estiver sendo acompanhado por pessoas capazes de domina-lo em situações de emergência podem causar grandes estragos. Não raro, temos notícias de cães (principalmente os ditos pitbull), que atacam e às vezes matam pessoas e outros animais. A irresponsabilidade maior, todos sabemos, é de alguns proprietários que sequer tem condiçoes de tratálos como merecem, e os condicionam a situações de estresse tornando-os assim, perigosos. Sou totalmente contra a crueldade contra os animais; mas também temos que reconhecer que há muitos bichos (principalmete cães), soltos pelas ruas incomodando e atacando pessoas.Para algumas situações sou sim, a favor da carrocinha, e da castração. Tem que haver órgãos controladores da zoonóse.
    Quanto a castração de políticos, concordo plenamente;assim sua reprodução não se daria e estariámos melhor.

  21. Liseane disse:

    Cara! CONCORDO, em gênero, número e grau, aliás essa gente…é gente mesmo? Sou mais a favor de achar que cães…e gatos…hehehe…são muito mais ‘humanos”. Apoiado total.
    Abs., Liseane.

  22. PAULA disse:

    meu irmão ganhou um filhote de cão, que é de um cruzamento de um pitbull com um basset, gostaria de saber como será esse cão.Será que vai puxar mais o pitbull ou o basset?
    desde já agradeço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: